Atualizado 27/11/2018

Seminário Regional mobiliza 40 cooperativas em Santa Rosa

O evento aconteceu na quinta-feira (22).

Reafirmando a vocação cooperativista e empreendedora da Fronteira Noroeste e Missões, o Seminário Regional do Cooperativismo reuniu 40 cooperativas destas regiões nesta quinta-feira (22/11), no auditório da Cooperconcórdia, em Santa Rosa. O tema central da programação contemplou a Governança Cooperativa, além do destaque para demandas tecnológicas do meio rural.

 

O Seminário, promovido pela Unidade de Cooperativismo da Emater/RS-Ascar e pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), atende à proposta de formação e qualificação de dirigentes de cooperativas e reflete a união de esforços para a promoção do desenvolvimento regional. Para sua realização, contou com o apoio do Sistema Ocergs/Sescoop, Agência de Desenvolvimento de Santa Rosa e Encontro Estadual de Hortigranjeiros.

 

Entre as autoridades estiveram o prefeito de Santa Rosa, Alcides Vicini, o gerente regional da Emater/RS-Ascar Ademir Renato Nedel, o secretário municipal de Desenvolvimento da Infraestrutura Rural, Valmiro Eisen, o coordenador regional da SDR, Ernesto Ivo de Lima, o coordenador da Unidade de Cooperativismo da Emater/RS-Ascar, Marcos Servat, o presidente do 33º Encontro Estadual de Hortigranjeiros, Aldir Mallmann, e o presidente do Cooperconcórdia, Alexandre Dallagnese. Também estiveram presentes dirigentes de cooperativas, instituições de ensino, extensionistas, técnicos, imprensa e representantes de sindicatos da região.

 

Nedel destacou, na oportunidade, que as cooperativas têm um significado importante para os municípios pequenos, onde o desenvolvimento ocorre muitas vezes ao entorno das cooperativas. Das 44 cooperativas agropecuárias existentes na região, 29 cooperativas, que abrangem 3 mil associados, recebem assessoramento técnico continuado da Emater/RS-Ascar, através do convênio com a SDR, em áreas como gestão organizacional, gestão de pessoas, finanças e custos, comercialização e marketing, produção e gestão ambiental, estudo de viabilidade, desenvolvimento de projetos e capacitações coletivas dos associados, conselheiros e funcionários.

 

Governança Cooperativa

 

Autogestão e governança cooperativa foram os destaques da palestra do superintendente da Ocergs e professor de pós-graduação da Faculdade de Tecnologia do Cooperativismo (Escoop), Gerson José Lauermann. O palestrante, que é mestre em Gestão de Cooperativas, já participou de Missões Internacionais de Cooperativismo na Europa, na Ásia, na Oceania e na América. Também foi gerente de Desenvolvimento e Autogestão da Organização das Cooperativas do Paraná (Ocepar), experiência que embasou parte de sua fala. 

 

Em relação aos princípios do Cooperativismo, Lauermann frisou a adesão voluntária e livre, sendo que o associado deve conhecer todas as chaves para entrar e para sair da cooperativa, ou seja, ter claras suas regras; gestão democrática com o direito de todo associado a votar e ser votado, o que evidencia a importância de preparar as pessoas para assumir cargos; participação econômica dos cooperados de forma equânime; autonomia e independência especialmente em relação ao processo de formação e estruturação do capital; educação, formação e informação; intercooperação nos diferentes processos; e interesse pela comunidade.

 

Citou como principais desafios das cooperativas criar valor, inovar e manter a sustentabilidade. Também discutiu questões pertinentes à autogestão, evolução histórica e legislação cooperativista.

 

Programas e tecnologia

 

A programação seguiu com o relato do projeto Capacita da Cooperconcórdia, pelo coordenador do programa Tiago Moroni, e explanação sobre a relação de parceria entre SDR e Emater/RS-Ascar para a promoção de programas que atendam a demandas de cooperativas em todo Estado, pelo integrante do Departamento de Cooperativismo da Secretaria, Elbio Pilar.

 

A tecnologia e a inovação, fundamentais para viabilizar a produção diversificada na propriedade, também receberam ênfase. “Essa proposta será evidenciada durante o 33º Encontro Estadual de Hortigranjeiros, que acontece de 9 a 13 de outubro de 2019, em Santa Rosa”, salientou o presidente do evento, Aldir Mallmann, ao reforçar o convite para o evento.

 

Uma breve discussão e trabalho em grupo para levantamento de demandas sobre tecnologias para a produção diversificada de alimentos foram conduzidos pelos representantes da Comissão de Tecnologia e Inovação do Encontro Estadual de Hortigranjeiros, Germano Butoow e Facundo Nunez.

 

À tarde, a programação seguiu na propriedade de Luís Sérgio Tosin, onde ocorreu o lançamento oficial do 33º Encontro Estadual de Hortigranjeiros.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Emater/RS-Ascar - Regional Santa Rosa
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções